ÍCONES DE PORTUGAL

Património de Portugal

Castro de Vieira

Posted by mjfs em Outubro 30, 2007

Photo Sharing and File Hosting at Badongo.com

Implantações e Acessos:

O Castro de Vieira situa–se no centro do grande alvéolo para onde convergem as inúmeras linhas de água que originam o rio Ave, no sopé da vertente Sul da Serra da Cabreira, dominando todo o troço inicial da correspondente bacia hidrográfica. Implantado no topo de um dos promontórios que recortam a vertente da serra, com a cota máxima de 563 metros de altitude, de onde se abarca uma paisagem única, bem conservada nas suas envolventes imediata e alargada, o castro posiciona–se sobranceiro à ribeira de Cantelães, ligando–se à vertente da serra por uma chã aplanada, de fácil acesso. A vertente Norte, menos extensa mas mais declivosa, apresenta mais afloramentos graníticos, contrastando com a vertente Sul, mais ampla e armada em largas plataformas artificias, com boa exposição solar.
O Castro de Vieira localiza–se a menos de 2 km do centro da vila de Vieira do Minho, com acesso pela estrada nacional 526 que liga a Pinheiro. Ao Km 1’1 vira–se à esquerda, para Norte, por um estradão em terra batida, que conduz até à chã do sopé da vertente nascente do sítio arqueológico, a partir do qual se visitar o sítio.

 O Que Ver:

O povoado fortificado ocupa uma área de cerca de 15 hectares, pelo que se pode incluir na série dos seis grandes povoados castrejos do vale do Ave. Apresenta um sistema defensivo composto por três linhas de muralhas concêntricas que, na vertente Sul, defendem amplas plataformas artificiais, por onde se distribuem vestígios de construções de planta circular e rectangular, recolhendo–se aí fragmentos de cerâmica doméstica indígena e material romano. Em trabalhos arqueológicos recentes, recolheram–se instrumentos líticos diversos, fragmentos de peças cerâmicas de cronologia compreendida entre a Idade do Ferro e a Idade Média, e o fragmento de uma ara romana anepígrafe. Por outro lado definiu–se com rigor a planta da fortificação medieval.
Do ponto de vista histórico, o Castro de Vieira reveste um interesse particular porque aí se edificou, nos séculos centrais da Idade Média, o castelo sede do Territorio Velariae (ou Terra de Veeira), à sombra do qual se fundou o mosteiro de São João de Vieira, celebrizado por aí ter falecido Santa Senhorinha, a 22 de Abril do ano 982.

(Fonte: www.castrenor.com)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: